Calço espaçador alavanca






Normalmente, para fixarem as asas dianteiras, as equipes usam um “calço espaçador” na base dos pilares frontais do bico do carro.


Em algumas equipes esses calços oferecem uma certa flexibilidade da asa dianteira em altas velocidades de retas provocando um ACHATAMENTO do ângulo de ataque das asas fazendo com que o carro fique mais ágil perdendo parte do downforce dianteiro (efeito aerodinâmico semelhante ao da asa traseira móvel), retornando nas curva a sua angulação normal.

Explorando e AMPLIANDO ainda mais esse efeito aerodinâmico, criei um "Calço espaçador ALAVANCA" com aleta cata-vento.




Acrescentando hastes metálicas aos calços espaçadores, instala-se em suas extremidades uma aleta horizontal entre os pilares frontais do bico do carro, semelhante a aletas usadas ( com outros fins ) por equipes como Mclaren, Ferrari, etc.


Essa aleta horizontal é construída com seu interior OCO deixando uma abertura "camuflada" do lado inferior para a entrada do ar frontal.




Funcionamento:
A ideia é que, com a velocidade, o ar passe por entre os pilares frontais no bico do F1, entre na cavidade oca sob a aleta horizontal
( como se fosse um cata-vento ) empurrando-a para trás. Esse movimento faz com que as hastes metálicas ( alavancas ) sejam empurradas flexionando os calços espaçadores para baixo, AMPLIANDO ainda mais o ACHATAMENTO do ângulo de ataque de toda a "base central" das asas frontais. Ou seja todo esse conjunto de espaçadores, hastes e aleta horizontal, funcionam como uma alavanca central "auxiliar" de flexionamento da asa dianteira do F1.




E esse dispositivo ainda oferece uma certa regulagem da força da alavanca acionada pelo vento. Em pistas mais travadas, com menor número de restas, pode-se posicionar a aleta horizontal bem para cima, quase encostando no fundo do bico do carro melhorando a força aplicada na alavanca, ampliando assim o efeito de achatamento aerodinâmico da asa dianteira. E em pistas mais rápidas, com muitas retas e curvas de alta, pode-se posicionar a aleta horizontal mais para baixo, diminuindo a força da alavanca e o efeito de achatamento.

É um dispositivo aerodinâmico que poderá auxiliar ainda mais a equipe a conseguir melhores desempenhos do F1, além de manter sua real função "camuflada" ( por um tempo ) das outras equipes. Isso por que os calços com hastes ficam embutidos dentro dos pilares centrais do bico do F1 ( como usados atualmente ), e a abertura na aleta horizontal só pode ser vista de baixo para cima ( como mostra a figura abaixo ).










Projeto criado por: Ubiratan Bizarro Costa ( designer industrial automobilístico )



contato@bizarrodesign.com.br



http://www.criaforma.com.br/

http://www.bizarrodesign.com.br/

Comentários

VEJA TAMBÉM:

A teoria do possível "segredo" da asa traseira da Ferrari

MONOFORMULA BK

Estranho dispositivo no assoalho da Ferrari 2017

PCP TARGA

BICO FORCE INDIA 2017